Os vegetarianos e a "comida rápida": aliança impossível?

Fast-food ("comida rápida" em inglês) é o nome genérico dado ao consumo de refeições que podem ser preparadas e servidas num intervalo de tempo pequeno. São comercializadas desta maneira as sandes, pizzas, cachorros-quentes, entre outros. Aplica-se geralmente à comida vendida em lojas pertencentes às grandes redes de alimentação.
O mesmo alimento, que por vezes é vendido como refeição rápida, pode também ser consumido em restaurantes.
O fast-food ficou identificado com um estilo de vida stressante, que tem sido criticado desde o fim do século XX. O principal movimento organizado de contraposição é chamado de slow food ("comida lenta"), e teve sua origem em Itália em 1986.
Os alimentos servidos nas ruas por vendedores ambulantes, a street food ("comida de rua"), é uma prática que remonta à Antiguidade e que tem presença em praticamente todas as regiões do mundo moderno,  também pode ser considerada uma forma de fast-food.
(fonte: Wikipedia)
Será que esta "comida rápida" combina com o regime alimentar dos SwáSthya yôgins, o vegetarianismo?
Nada como descobrir a resposta a esta questão, vindo hoje ao gourmet da sua Unidade...

E que melhor maneira de terminar um belo jantar com os amigos, senão a ver um filme para chorar... a rir?!
Aqui fica uma pequena amostra do filme de hoje, O Guru do Amor


2 comentários:

Tantra disse...

É OBVIO que não podia ir deitar-me sem antes vir aqui dizer que mais uma vez adorei o gourment!! Ao Bruno pela comida, e aos alunos pela boa disposição que trazem sempre para esta nossa escola! E ao Vinícius que sabemos que estará para SEMPRE connosco!
Adorei o fast food... NHAMI NHAMI!!!!!!!!! E chorei a rir com o filme!!!! MUITO BOM!!!

Beijos e Abraços
Nélso Ramalho

Método DeRose - Amadora disse...

ehhehehhe
De vez em quando ainda dou por mim a sorrir, a lembrar-me de cenas do filme.
Foi muito bom!!
Obrigado a todos pela presença, é muito melhor dar gargalhadas quando estamos com os amigos!
SwáSthya!!